O processo de compra de um imóvel

 

 

 

Se está à procura da sua futura casa e gostaria de saber como é o processo de compra,

aqui vai encontrar informação útil.

 


 

Na imovendo, sabemos que a compra de um imóvel é mais do que um negócio: são as suas poupanças e o futuro da sua família. O

processo em si não é complicado, mas a burocracia que envolve pode torná-lo algo moroso ou complexo, sobretudo para quem não 

está familiarizado ou desconhece o que fazer. Disponibilizamos aqui informação sucinta para ajudá-lo e, se não encontrar o que procura, 

a nossa equipa vai garantir que as suas dúvidas serão esclarecidas. Basta entrar em contacto connosco.


 



Quais são as fases do processo de compra de um imóvel?

 

O processo da compra da sua futura casa envolve oito fases e algumas são, como é óbvio, comuns ao processo de venda:

 

 

 

 

 

 

 

  1. verificar a autenticidade e validade dos documentos apresentados, tanto do imóvel como das partes;
  2. averiguar a existência de eventuais condicionantes do imóvel (como hipotecas, penhoras, licenças, etc.) e quais os respetivos encargos, taxas e impostos. 

 

 

 


 

 

 

Que documentação é necessária para comprar um imóvel?

 

Para iniciar o processo de compra de um imóvel vai necessitar de reunir um conjunto de documentos relativos ao seu imóvel e a si que é o

comprador:

 

 

 

 


 

A par destes, o processo de compra e venda exige documentos que comprovem os dados do proprietário e do imóvel, como a caderneta

de registo predial, certidão de teor, entre outros. Consulte aqui os documentos necessários.

 

 

 

 

O que é e porquê fazer contrato de promessa de compra e venda?

 

Tal como o nome indica, trata-se de um acordo feito entre si e o atual proprietário do imóvel no qual se comprometem mutuamente a:

 

 

 

 

 

 

 


 

É sempre conveniente assinar um contrato de promessa de compra e venda (CPCV), pois é uma salvaguarda de que o negócio será

concretizado e que serão respeitados os termos e as condições acordadas entre as partes. E deve ser mesmo feito um CPCV nas situações

em que se quer fazer o negócio, mas há condicionantes para o fazer imediatamente, por exemplo, esperar pela aprovação do pedido de

financiamento que fez ao seu banco (ou outra entidade financeira), ou se o atual proprietário necessitar de tempo para fazer as mudanças

e desocupar a casa.

 

 

Quero comprar a minha casa com a imovendo